O Vento me disse...#51- Rosto Bonito- Sable Hunter


Rosto Bonito
Autora: Sable Hunter
N° de páginas: 154
Editora: Bezz
Ano: 2015
Skoob: aqui
A vida de Cody é definida por duas grandes verdades: Ela está apaixonada... e ela cometeu um grande pecado. Cody foi brincar com o fogo e ela está prestes a se queimar. Faminta por atenção, ela permitiu que um homem maravilhoso se apaixonasse por ela. Seu único contato tem sido as conversas via internet e telefone. Cody quer mudar sua vida, dizendo meias verdades e enviando fotos de uma mulher com um belo corpo e um rosto bonito, mas essa mulher não é ela. Marcada no rosto por um abuso, ela se esconde dos olhares indiscretos. Cody ama Hunter o suficiente para deixá-lo ir. Ela está disposta a desaparecer da sua vida. Hunter quer encontrá-la, mas ela se recusa. Mas se Cody não for até ele, Hunter irá até Cody. Então, em plena Mardi Gras, um momento de amor e risos, máscaras são usadas e Cody usa-a para esconder mais do que um rosto bonito.
Rosto Bonito é um livro que não sabia muito bem o que encontrar quando embarquei na leitura, confesso que o pouco que sabia era baseado ao que a sinopse proporcionava. O livro foi escrito pela Sable Hunter e foi lançado no país em 2015 pela Editora Bezz. De uma maneira geral o livro me agradou, entretanto, nada me tira da cabeça que ele poderia ter sido mais do que foi apresentado.

O livro conta à história da Cody Napier, uma mulher que teve sua vida marcada- literalmente- depois que foi atacada. O seu agressor marcou o seu rosto, o seu corpo e a sua alma e por isso, mesmo com o passar dos anos ela não conseguiu viver mais como antes. Para tentar aplacar a solidão, Cody (com o nome de Sage Donovan) acabou criando um perfil falso no Facebook, lá ela conhecia e flertava com algumas pessoas. Nessa tentativa, ela acabou conhecendo e se relacionando com Hunter Reed, por quase dois anos os dois trocaram mensagens e telefonemas; até fotos foram enviadas, no entanto, elas não mostravam a Cody verdadeira.

A realidade é que tanto o Hunter quanto a Cody acabaram se apaixonando e por isso ele sempre insistia para que se encontrassem. Até que, mesmo ela negando o encontro, Hunter acaba decidindo ir para a cidade que ela mora. Por “obra” do destino ele não conhece a Sage de cara- que fala que não pode encontrá-lo-, no entanto, ele conhece a própria Cody. É claro que ele não a reconhece e por dias ele trabalha como carpinteiro na casa da protagonista. É engraçado ver o quanto ele vai se sentindo atrido pela Cody, a partir do momento em que se conhecem, e se sente culpado por estar “traindo” a Sage. Ao mesmo tempo, vemos o quanto é difícil para a Cody fingir que não o conhece e que ele não é nada para ela.

Mesmo com todas às inseguranças, Cody só vê uma saída para acabar com esse tormento, contar a verdade para o Hunter. E isso já tinha data para acontecer, o Mardi Grass estava chegando, nele as pessoas da Louisiana se divertiam e usavam máscaras. Cody iria tirar à sua máscara no terceiro dia e o Hunter descobriria quem de fato era Sage Donovan.
“A intenção de Cody nunca foi de machucá-lo, ela nunca quis isso.Ele era a primeira coisa que ela pensava na parte da manhã e a última noite. Cody amava Hunter sobre todas as forças.”
O enredo de Rosto Bonito é realmente envolvente, a autora consegue desenvolver a trama de uma maneira que não tem como não se apegar aos personagens. Eu simplesmente ansiava que a protagonista deixasse de lado as suas inseguranças e se entregasse ao mocinho. Falando nele, devo apontar que é um dos mocinhos que mais gostei de conhecer, Hunter, é decidido e sabe o que quer, e por isso vai fazer de tudo para ter a sua amada. Uma coisa que gostei foi ver que ele  não era rico e dominador (quem ler livros desse tipo sabe do que estou falando), ele é um cara do bem que trabalha como carpinteiro- é um cara “normal”.

Apesar de ter gostado bastante do enredo confesso que um ponto me incomodou e olhe que nem teria como ser mudado, afinal, o livro é hot. Mais é que senti isso. Achei os diálogos eróticos que os protagonistas tinham antes de se conhecerem totalmente desnecessários. Veja bem, o livro é hot e por isso é natural que tenha sexo envolvido, eu mesmo acho as cenas de amor entre eles bem condizentes com a proposta do livro, no entanto, as mensagens e telefonemas que eles trocavam entre si foi algo que me incomodou e que ao meu ver não se encaixavam naquele momento. A verdade é que gostaria que a autora tivesse dado mais vazão ao romance e ao drama- tendo apenas alguns toques hots-, acredito que o livro seria bem mais interessante.

É claro que no geral isso não atrapalhou a leitura, afinal, a história é realmente boa. A Sable Hunter consegue falar de um tema complicado sem deixar as coisas cansativas, a maneira como ela narra é bem simples e leve. Enfim, sinto que estou sendo vaga e superficial com esse texto mais é que Rosto Bonito é um bom livro, no entanto, para mim ele é imemorável. Infelizmente. É daqueles livros que lemos e que gostamos mais que com alguns meses não lembramos os nomes dos personagens ou até mesmo a história.
“-Cody, você é minha melhor amiga, minha amante. Eu quero que você seja a minha parceira. Meu coração bate por você. –Ele pegou a mão dela e colocou-a em seu peito. –Eu coloco meu coração em suas mãos.”  

9 comentários :

  1. Olá
    Eu particularmente não gosto muito desse gênero, mas essa obra eu já a conhecia bem antes rsrs. Apesar de já conjece-la,eu não sabia d o que ela se tratava. Achei o enredo bem legal, mas nada que me fizesse ler a obra. Gostei da sua resenha, e é uma pena você não ter curtido o livro pro inteiro. Gosto muito dessa capa, mas odeio essa fonte rsrs. Adorei ver suas críticas sobre a obra e até mais vê
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Ainda não conhecia o livro e confesso que não fiquei minimamente interessada na leitura. Não gosto de livros hots e saber que os diálogos eróticos foram desnecessários piorou minhas impressões sobre a obra.
    Além disso, a obra não me convenceu em nada, infelizmente.
    Vou indicar esse livro para uma amiga, acho que ela vai gostar.
    Parabéns pela resenha.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  3. Eu quero muito ler esse livro, faz algum tempo que eu li o primeiro volume e fiquei completamente curiosa para ler esse segundo. Gostei bastante de ler a sua resenha e saber um pouco mais sobre essa história, também gostei da sua sinceridade ao falar sobre a obra. Espero que eu possa gostar tanto quanto gostei do primeiro. A capa é linda <3

    ResponderExcluir
  4. Olá!! :)

    Eu não conhecia este livro mas ainda bem que gostaste... E pena e ser tao pouco... ahah E mesmo isso, as vezes, os livros são bons no momento mas não chegam a ser marcantes ou mesmo memoráveis... :)

    Enfim...!! MAs ainda bem que achaste a historia boa! De qualquer das formas não lerei porque não aprecio livros hot mesmo! ... hehe

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem!

    Primeiramente... que capa lindaa. Gostei muito, me lembra de um livro que tenho da Editora Valentina e que gosto muito. Quanto a premissa é interessante, pois gosto quando o romance erótico tem uma história legal, Claro que tem que ter um equilíbrio para não ficar monótono, só sexo fica cansativo, e quando fica só no diálogo também fica chato, por isso o meio termo tem que andar junto. O bom que você conseguiu filtrar as partes boas e assim curtir a leitura. Ótima dica.

    beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá. Primeiramente, gostei muito da resenha, você escreve muito bem, parabéns, mas o livro junto com o enredo não me atraiu mesmo. Enfim.
    Agora algo que eu quero muito comentar, esse dias eu terminei de ler um livro que tinha tudo para ser um livro bom, mas no final acabei não gostando, escrevi uma resenha sobre ele, e nele eu abordei um tema pouco discutido entre nós blogueiras e esse livro é um exemplo claro do assunto abordado na minha resenha. Vou explicar melhor, olha o título "Rosto Bonito" em seguida olhe a capa... o rosto que nela contém é de uma mulher branca... loira e de olhos azuis... aí eu me pergunto, por que a representação na capa do livro que leva o título "Rosto Bonito" não pode ser uma mulher negra, cabelos e olhos pretos?! Por que até na literatura, que deveria servir para abrir nossa mente, tem um racismo camuflado?! Não sou politicamente correta, mas esse tipo de, podemos dizer "preferencia", continuará, enquanto nós blogueiras não abrirmos nossos olhos e perceber que isso é errado... Não estou pegando no seu pé... apenas mostrando algo que não deveria ser assim e pedindo que perceba isso... quero que meus filhos e outras crianças negras, através desses meios de comunicação tenham representatividade e vejam que beleza não depende da sua cor ou cabelo e sim que existe formas incontáveis de beleza... infelizmente, pode parecer um pouco utopico... mas quanto mais pessoas perceberem isso, melhor será... Beijos
    Blog - http://leesoncre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oie!
    Fiquei encantada pois a capa é bem bonita, mas enredo do livro não é muito atraente para mim, e que pena que você não curtiu a história, acho que se o dialogo é desnecessário acaba pecando um pouco para a composição da história. Sua escrita para a resenha é muito boa, parabéns.
    Beijos, Lari.
    Segredosdeumacerejeira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Eu não conhecia a obra ainda, mas pela sua resenha eu a leria, com certeza. O enredo me chamou a atenção, mesmo você não gostando da parte erótica eu fiquei interessada na leitura. Eu também não gosto de livros eróticos exagerados, não sei porque os autores não equilibram bem as duas coisas.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  9. Para um livro hot achei a proposta bem interessante, não costumo ler muito esse gênero porquê as vezes os autores esquecem que o livro não é só sexo, tem que ter algo sobre os sentimentos e isso foi o que mais me agradou conforme fui lendo a sua resenha! <3 Então sim esse seria um livro que eu leria e gostei muito da capa, passou um ar diferente.

    ResponderExcluir

Uma das coisas que mais incentiva uma blogueira é saber o que estão pensando sobre o seu trabalho. Por isso seu comentário é IMPORTANTE. É com ele que vou saber se estou indo pelo caminho certo. Criticas positivas? são mais que aceitas. Criticas negativas? também, só peço que seja feita com respeito. Esse é um espaço para trocar ideias e espero ver você por aqui.